Planejador Financeiro e o Planejamento da Aposentadoria

Longevidade e o Planejador Financeiro

Pensar na aposentadoria pode parecer algo assustador – e nós sabemos bem disso. Mas infelizmente todo mundo um dia vai envelhecer e é por isso que planejar esta fase é importante para ter uma vida saudável.

Entretanto, quando não existe um planejamento financeiro para a aposentadoria, muitas pessoas acabam se privando de viver uma fase que é tão importante. Afinal, precisará passar os últimos anos trabalhando para conseguir pagar as contas que, não vão deixar de existir. 

Este tipo de situação pode dar até um embrulho no estômago ao pensar, mas você não precisa passar por ela, já que com um bom planejamento financeiro e com a ajuda de um planejador, é possível ter um final de vida tranquila e feliz.

Então, para te ajudar, separamos este artigo com o passo a passo para você planejar a sua aposentadoria e saber como o planejador financeiro pode te auxiliar neste processo. Vamos conferir?

O que é um planejador financeiro? 

Para começar, antes de você entender como o planejador financeiro pode te ajudar é importante entendermos o que de fato ele é.

Bom, o planejador financeiro é um profissional multiespecialista que ajuda as pessoas a organizarem a sua vida financeira. Podemos citar 6 principais áreas: Fluxo de Caixa Pessoal, Investimentos, Aposentadoria, Seguros, Fiscal e Sucessório.

Hoje, conseguir manter a vida financeira organizada é fundamental, por isso os planejadores financeiros auxiliam pessoas a definir seus sonhos e a alcançá-los. Um dos principais pontos para se observar é alcançar o bem-estar financeiro pensando nos valores e sonhos de cada indivíduo.

As atividades de um planejador não são reguladas pela CVM ou pelo BACEN. A Planejar é uma instituição que representa a categoria de planejadores financeiros no Brasil.

Como o planejador financeiro pode te ajudar na aposentadoria

Em geral, um planejador financeiro tem uma importância em te ajudar a fazer boas aplicações em investimentos, mas isso não significa que esta é a sua única função. 

Quando você contrata um profissional para te auxiliar na sua vida financeira, ele faz toda uma análise do seu perfil e te ajuda a organizar as suas finanças e fazer boas escolhas.

Além disso, um planejador financeiro também pode te auxiliar na sua aposentadoria. É muito importante que você separe uma quantia mês a mês para garantir uma boa renda financeira quando aposentar. Do mesmo modo, é necessário também que haja toda uma compreensão do seu patrimônio atual e dos impactos que a longevidade irá causar na sua vida financeira durante a aposentadoria.

Por isso, o planejador financeiro também tem uma grande importância para te auxiliar na aposentadoria. Ele irá avaliar a sua situação atual e traçar um plano sustentável para que quando chegar a hora de pendurar as chuteiras você tenha condições de aproveitar a vida e viver com prazer, conforto, liberdade e autonomia.

Como fazer um planejamento para a aposentadoria

Agora que você já entendeu o que é um planejador financeiro e como ele pode te ajudar, está na hora de começar a fazer o seu planejamento para a aposentadoria. Para te auxiliar, separamos também algumas dicas para você organizá-la de maneira prática e fácil. Elas irão te mostrar os primeiros passos para este processo e algumas estratégias para acelerar o procedimento.

Comece poupando desde cedo

Primeiramente, quanto mais cedo você poupar dinheiro melhor, e esse é um passo importante para planejar a sua aposentadoria. O que acontece é que contar apenas com o valor do Governo já não é mais o suficiente para você conseguir se sustentar. É exatamente por este motivo que torna-se necessário poupar desde novo para acumular um bom montante para quando você chegar na sua aposentadoria.

Para isso, procure mensalmente tirar uma pequena quantia mês a mês. Esse valor fará uma grande diferença quando você for aposentar. 

Utilize a regra 1, 3, 6, 9, 12

A regra 1, 3, 6, 9, 12 é uma metodologia criada para você conseguir saber quanto precisa poupar até a sua aposentadoria de acordo com cada idade. Se você segue esta regra, ao chegar nos seus 65 anos, terá o montante ideal para aposentar.

Esses números foram distribuídos para cinco idades consideradas as essenciais da nossa vida financeira, sendo elas 25, 35, 55, 65 e 75. 

A partir disso podemos levar em consideração que, aos 25 anos você terá que poupar (idade – 15 ) 10% do seu salário anual. Aos 35 anos 20%, aos 45 anos 30%, aos 55 anos 40%, aos 65 anos 50%.

Tenha um objetivo

Sempre que você decide poupar um valor mensalmente é necessário ter um objetivo para ele. Pois se não existe uma meta bem definida, ficará mais difícil conseguir poupar esse dinheiro e obter um bom resultado.

Então não coloque que o seu objetivo principal é juntar dinheiro para a aposentadoria, mas pense no que você deseja fazer com ele e qual estilo de vida pretende ter nesta fase.

Quanto mais detalhista for o seu objetivo, mais fácil ficará de você juntar esse valor e garantir uma vida muito mais tranquila a longo prazo.

Selecione um tipo de investimento

Juntar dinheiro para a aposentadoria consiste em investir. Pois se você deixar o seu dinheiro parado na poupança ou em uma conta qualquer, ele não irá crescer de forma adequada e ficará mais difícil de acumular um patrimônio ideal.

Dessa forma, o outro passo que você precisa seguir para realizar este planejamento é escolher um consultor de investimentos para te auxiliar na criação de uma carteira de investimentos bem diversificada e também para acompanhá-lo durante essa longa caminhada. Isso irá garantir que você não corra riscos desnecessários e também que você alcance seu objetivo.

A nossa sugestão é que você procure investir em ativos diversificados sempre tomando muito cuidado com a inflação e a necessidade de diversificação territorial dos seus investimentos.

Faça um planejamento financeiro

Para finalizar, o último passo para você planejar a sua aposentadoria é realizar um bom planejamento financeiro. Se as suas contas não estão bem organizadas, todo final do mês notará que não tem dinheiro sobrando para investir.

Por isso é tão importante organizar todos os seus gastos mensais para conseguir retirar a porcentagem ideal de acordo com a fase que você está.

Para realizar este processo é necessário que você busque o auxílio de um planejador financeiro. Afinal, ele irá conseguir organizar todos os seus gastos e te dá o passo a passo ideal para garantir que a sua vida fique bem organizada.

Ficou alguma dúvida neste artigo? Caso você ainda tenha alguma dúvida ou sugestão, deixe ela nos comentários para que possamos te auxiliar.

Add Comment